O cérebro tem fome?

By

Assim como a alimentação é essencial para o bom funcionamento do organismo, fazer uma boa escolha na hora de montar uma refeição também favorece a saúde cerebral. Uma dieta equilibrada é extremamente bem-vinda ao cérebro e os cientistas têm obtido cada vez mais evidências de como um estilo de vida saudável exerce papel importante na melhora das nossas funções cerebrais e na prevenção de doenças neurodegenerativas.

O cérebro é um órgão que tem poucas reservas de nutrientes, por isso uma dieta rica e equilibrada é essencial para manter o seu bom funcionamento. Você sabia que o nutriente mais utilizado pelo cérebro é a glicose? Ela é responsável por dar energia ao nosso cérebro para que ele consiga desempenhar suas funções.

Mas não é apenas a glicose que auxilia nosso cérebro. A vitalidade dos neurônios, o bom humor e a memória afiada vêm de uma variedade de alimentos com ação antioxidante e anti-inflamatória, responsáveis por protegerem o nosso cérebro.

Confira os principais alimentos que melhoram a saúde e desempenho do nosso cérebro.

Peixes:

O ômega 3 presente nos peixes protege nosso cérebro contra o acúmulo de proteínas beta-amiloide, associadas ao Alzheimer. Além da proteção contra doenças neurodegenerativas, os peixes ricos em ômega 3 também ajudam a prevenir os sintomas da depressão.

Proteínas e aminoácidos:

Para que todas as funções de crescimento neuronal, reparação e manutenção sejam efetuadas, nosso cérebro depende de quantidades adequadas de aminoácidos. Esses aminoácidos são obtidos através da quebra das proteínas, por isso alimentos como carnes, ovos, aves, peixes, feijões, quinoa e laticínios são fundamentais na dieta.

Frutas vermelhas e frutas cítricas:

Ricas em compostos de ação antioxidante e anti-inflamatória, elas ajudam a proteger nosso cérebro contra os danos do envelhecimento.

Castanhas, amendoins e oleaginosas em geral:

São ricos em gorduras boas, vitaminas e minerais caros ao cérebro. Além disso, a casca do amendoim contém resveratrol, a mesma substância protetora encontrada no vinho e suco de uva. Essa substância está associada a proteção contra Alzheimer, Parkinson e tumores cerebrais.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

You may also like