Como manter meu cérebro saudável?

By

Existem períodos em que, sem motivo aparente, nos sentimos cansados, com dificuldade de concentração e até nos esquecemos das coisas com mais frequência do que o normal. Nesses casos, é comum pensarmos que a culpa é do estresse ou do cansaço, o que, geralmente, é verdade. Porém, existem situações em que o problema pode ser um pouco mais específico.Sintomas como esses também acontecem quando não cuidamos corretamente de uma das partes mais importantes do corpo: o nosso cérebro. Afinal, o que fazer para manter esse importante órgão saudável? Confira algumas dicas!

Mate os pensamentos negativos

Um dos maiores perigos contra nosso cérebro é ter pensamentos negativos automáticos. Eles vêm para todo mundo, mas mantê-los é algo extremamente perigoso ao nosso cérebro. Entre as estratégias para não deixar que isto ocorra, especialistas defendem que acima de tudo é preciso questionar esses pensamentos a fundo, identificando como você se sente com relação a eles e, depois, transformá-los ao mudar a perspectiva de encará-los.

Pare de Fumar

Fumar não só compromete o processo de oxigenação cerebral, mas também leva a aterosclerose das artérias cerebrais. As substâncias liberadas no organismo, enquanto a pessoa fuma, também interferem na replicação de DNA nas células, o que pode provocar mutações e a formação de células cancerígenas, alertam neurologistas.

Dormir bem

A privação de sono tem uma série de efeitos sobre a saúde, de um maior risco de acidente vascular cerebral a diabetes e deterioração da função cognitiva. Ao longo do tempo, deixar de dormir também pode acelerar o envelhecimento do cérebro. Portanto, se você quer manter a saúde do seu cérebro, durma o tempo necessário.

Invista em experiências e atividades novas

Todos os dias o cérebro é bombardeado com uma imensa quantidade de informações. Algumas são mais relevantes que outras e ele reconhece quais são as que devem estar acessíveis com rapidez. Esses dados “inseridos” no cérebro são usados no processo de cognição. De acordo com o dicionário Aurélio, “cognição” significa, ao pé da letra, “aquisição de conhecimento”. Há uma área da neurociência especializada em estudar os processos cognitivos, ou de aprendizagem, para entender como, exatamente, eles funcionam.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

You may also like